GOVERNO DE ALAGOAS

Sesau promove treinamento para a aplicação da vacina contra a Covid-19 em crianças de cinco a 11 anos

A expectativa é que a primeira remessa dessas vacinas pediátricas desembarque em Maceió ainda nesta sexta-feira (14), no aeroporto Zumbi dos Palmares

Por Bia Alexandrino em 11/01/2022 às 11:52:12

Carla Cleto

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), por meio da Superintendência de Vigilância em Saúde (Suvisa), promove uma capacitação para as equipes municipais sobre a estratégia de utilização da vacina Covid-19 Comirnaty/Pfizer Pediátrica em crianças de cinco a 11 anos.

Serão discutidos aspectos técnicos e logísticos para a administração da Pfizer pediátrica no treinamento, que será realizado no Auditório do Centro Universitário Maurício de Nassau (Uninassau), localizado no bairro do Farol, em Maceió, nesta terça (11) e quarta-feira (12), das 8h às 14h.

A expectativa é que a primeira remessa dessas vacinas pediátricas desembarque em Maceió ainda nesta sexta-feira (14), no aeroporto Zumbi dos Palmares. E a população estimada a ser vacinada em Alagoas é de 363 mil crianças.

Vale lembrar que o Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) dos Estados Unidos recomenda a vacinação em massa como ferramenta essencial para ajudar a dar fim à pandemia. Vacinar faixas etárias menores, ainda que não sejam grupo prioritário, é importante tanto para diminuir as chances de adoecimento e agravamento por Covid-19, como também para impedi-los de espalhar o vírus para outras pessoas.

O secretário de Estado da Saúde, Alexandre Ayres, voltou a se reunir nesta segunda-feira (10) com os secretários de saúde municipais e com a Associação dos Municípios Alagoanos (AMA) para traçar estratégias de como acelerar a vacinação no Estado e discutir como será iniciada a imunização das crianças de 5 a 11 anos.

Alexandre Ayres afirmou que todas as segundas serão realizadas novas reuniões com os secretários de todos os municípios até que os números da vacinação em Alagoas estejam altos. Pediu também para que a população não abandone o uso de máscara e complete o ciclo vacinal contra o novo coronavírus.

Ainda de acordo com o gestor, somente estarão autorizados a retirar os imunizantes pediátricos da primeira remessa, os municípios que participarem da capacitação.

A Agência de Vigilância Sanitária (Anvisa) estabelece algumas recomendações com relação à aplicação da Pfizer pediátrica que deverão ser seguidas pelos municípios. Algumas delas:

– A vacinação de crianças deve ser realizada em ambiente específico e segregado da vacinação de adultos, em ambiente acolhedor e seguro para a população;

– A sala em que se dará a aplicação de vacinas contra a Covid-19, em crianças de 5 a 11 anos, deve ser exclusiva para a aplicação dessa vacina. Mas, não havendo disponibilidade de infraestrutura para essa separação, que sejam adotadas todas as medidas para evitar erros de vacinação;

– A vacina contra a Covid-19 não deve ser administrada de forma concomitante a outras vacinas do calendário infantil, por precaução, sendo recomendado um intervalo de 15 dias;

– As crianças devem ser acolhidas e permanecer no local em que a vacinação ocorrer por pelo menos 20 minutos após a aplicação, facilitando que elas sejam observadas durante esse breve período;

– As crianças que completarem 12 anos entre a primeira e a segunda dose, devem permanecer com a dose pediátrica da vacina.

Fonte: alagoas.al.gov.br

Comunicar erro
EQUATORIAL ENERGIA ALAGOAS