PREFEITURA SANTANA

Segurança P√ļblica vai empregar sete mil agentes no carnaval de Alagoas

Efetivo das forças de segurança deve atuar principalmente nos locais com maior concentração de foliões

Por Roberison Xavier / Ascom SSP em 08/02/2024 às 17:51:41
Arquivo Ascom / SSP

Arquivo Ascom / SSP

As forças de segurança de Alagoas estão preparadas para garantir mais um carnaval tranquilo para os foliões. Durante os quatro dias de festa, aproximadamente sete mil homens e mulheres vão atuar em todo o território alagoano e os trabalhos serão coordenados pela Secretaria de Estado da Segurança Pública.

A Operação Carnaval começa oficialmente no s√°bado (10) e se estende até a terça-feira (13), mas a atenção das equipes policiais e de salva-vidas j√° est√° em alerta. Durante os trabalhos, serão intensificadas as abordagens, o policiamento ostensivo em locais com maior aglomeração e rondas em toda a faixa litor√Ęnea e lagunar. As ações serão acompanhadas pelas equipes do Comando de Aviação do Estado (Comave).

De acordo com o planejamento, a Polícia Militar empregar√° cerca de quatro mil profissionais, entre os escalados para o policiamento ordin√°rio e as escalas extras. Nas regiões Norte, Zona da Mata e Sul, os Grandes Comandos vão ter à disposição 1.673 militares, que atuarão em cidades como Maragogi, São Miguel dos Milagres, Joaquim Gomes, Messias, Penedo e Coruripe.

No Sertão e Agreste de Alagoas, a PM contar√° com 1.478 policiais para o serviço de segurança nos municípios de Arapiraca, Palmeira dos Índios, Pão de Açúcar, Delmiro Gouveia e Piranhas. O Comando de Policiamento da Região Metropolitana distribuir√° 820 policiais em Maceió e nas cidades do entorno, como Rio Largo, Pilar, Marechal Deodoro, Barra de São Miguel e Paripueira.

Os eventos serão acompanhados pelas equipes da PM conforme a previsão estabelecida pelos Termos de Ajustamento de Conduta (TAC) assinados junto ao Ministério Público do Estado, prefeituras e organizadores. Inspeções podem ocorrer para verificar e corrigir possíveis irregularidades e vulnerabilidades.

Treze delegacias de plantão

A Polícia Civil vai contar com mais de 2.050 delegados, escrivães e agentes durante os quatro dias de festa. Parte do efetivo vai atuar nas 13 delegacias plantonistas espalhadas pelo estado. Além da Central de Flagrantes de Maceió, que atender√° casos de toda a Região Metropolitana, as delegacias regionais de Novo Lino, Viçosa, Penedo, São Miguel dos Campos, Palmeira dos Índios, Arapiraca, Santana do Ipanema e Delmiro Gouveia também estarão funcionando 24 horas. No mesmo sistema de funcionamento, também terão delegacias de plantão extras nas cidades de Barra de São Miguel, Murici, Maragogi e Pão de Açúcar, que são polos de grandes festejos carnavalescos.

Na capital, também funcionar√° o Núcleo Especializado de Atendimento à Mulher, localizado no Complexo de Delegacias Especializadas (Code), em Mangabeiras, e a Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), na Chã de Bebedouro. Estarão ainda de prontidão, a Operação Policial Litor√Ęnea Integrada (Oplit) e o Grupo T√°tico da Coordenadoria de Recursos Especiais (Tigre).

A novidade deste ano é a criação de Centrais de Registros de Boletins de Ocorr√™ncia (BOs) que funcionarão 24 horas na Delegacia de Proteção ao Turista (DPTur), no bairro da Jatiúca (Maceió), e nas delegacias de Marechal Deodoro, Paripueira, São Miguel dos Milagres, Coruripe e Piranhas.

Bombeiros e Polícia Científica

A Segurança Pública também contar√° com o serviço de plantão de integrantes do Corpo de Bombeiros Militar e da Polícia Científica. Em todo o estado, 210 bombeiros vão atuar por dia, além dos alunos do Curso de Formação de Praças (CFP), que vão reforçar o efetivo em est√°gio de treinamento pr√°tico. Serão utilizadas 51 viaturas e uma aeronave, dentro de uma estratégia abrangente para prevenir quaisquer incidentes e responder eficientemente a emerg√™ncias durante o período festivo.

O Corpo de Bombeiros Militar vai distribuir as equipes em 19 postos fixos, equipados para o combate a inc√™ndio, salvamento aqu√°tico, atendimento pré-hospitalar e salvamento terrestre, 11 postos avançados, devido ao aumento significativo no fluxo de pessoas, e 21 postos de salva-vidas.

A Polícia Científica trabalha com toda a sua capacidade, atuando em regime de plantão 24 horas, com os institutos de Criminalística, de Maceió e do Agreste, e os institutos de Medicina Legal da capital e de Arapiraca.

Dicas de segurança

As forças de segurança alertam os foliões sobre as precauções que precisam ser observadas durante o período de festa, principalmente em relação a crianças e adolescentes.

A atenção precisa ser redobrada, especialmente em regiões balne√°rias e litor√Ęneas, para evitar possíveis afogamentos e desaparecimentos. Os bombeiros vão distribuir pulseiras de identificação para que sejam colocadas nos pequenos com informações dos familiares.

Os foliões também devem redobrar os cuidados com dinheiro. O ideal é que só levem para os festejos apenas a quantia necess√°ria, principalmente se for para locais abertos e de grande aglomeração de pessoas.

Quanto ao principal documento usado para identificação, o RG, a dica é a utilização do aplicativo RG Digital AL, que é a versão on-line da Carteira de Identidade para smartphones. O aplicativo é gratuito, seguro, 100% biométrico e pode ser baixado por portadores do documento emitido a partir de agosto de 2019.

Entre as dicas também estão os cuidados com o consumo de bebidas alcoólicas. Quem for beber deve passar a chave e não colocar vidas em risco no tr√Ęnsito. Peritas criminais da Polícia Científica, que participaram de um curso sobre identificação de fraudes, também alertam para os riscos de ingerir bebidas falsificadas, uma vez que o número de apreensões de garrafas aparentemente iguais às originais tem aumentado significativamente em todo o país. É preciso estar atento à proced√™ncia desses produtos.

Canais digitais

A SSP segue contando com o apoio da população no combate a diversos crimes, como homicídios, tr√°fico de drogas e roubos pelo Disque-Denúncia. As ligações anônimas e gratuitas podem ser feitas pelo número 181 e as informações também podem ser repassadas pelo site https://disquedenuncia.seguranca.al.gov.br. O canal ainda pode ser usado para comunicar a localização de pessoas foragidas ou procuradas pela Justiça.

Outro serviço digital disponível é o Alerta Celular, sistema que cria um banco de dados de aparelhos de telefonia móvel e pode ser acessado pela internet, em computadores, celulares e tablets. Essa base de informações permite que, durante uma abordagem, os policiais possam verificar o status do item apreendido.

O cadastro deve ser feito no site https://alertacelular.al.gov.br, preenchendo um formul√°rio. Após fazer o login, o usu√°rio ter√° que adicionar o dispositivo, inserindo as informações sobre o aparelho e alterar o status dele, caso seja necess√°rio.

Fonte: Agência Alagoas

Comunicar erro

Coment√°rios

DETRAN AL