GOVERNO DE ALAGOAS

Governo de AL anuncia dois Workshops gratuitos para empreendedores

Desafio Insano e Mulheres Connectadas vão orientar interessados no Edital Centelha

Por Naísia Xavier em 26/11/2021 às 13:25:14

Estado de Alagoas

Pessoas que moram em Alagoas e querem começar a empreender podem aproveitar oportunidades até o dia 15 de dezembro. O Governo de Alagoas, através da Secretaria da Ciência, da Tecnologia e da Inovação (Secti) e da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Alagoas (Fapeal), em parceria com a Fundação Certi, de Santa Catarina, está recendo inscrições de ideias inovadoras para o edital da segunda edição do Programa Centelha no Estado.

E duas iniciativas parceiras voltadas a capacitar empreendedores estão oferecendo mentorias gratuitas para otimizar as chances de quem quiser submeter uma proposta ao edital.

Uma delas é o workshop "Como inscrever a sua ideia em um edital", facilitada pela especialista em estratégia de diferenciação Maria Gabriella, criadora das metodologias para inovação "Desafio Insano" e "Imersão Código X". Inscrições neste link.

A outra é a mentoria "Conectando Mulheres ao Edital Centelha II", facilitada por Gessyca Santos, mestranda em Transferência de Tecnologia e Inovação e Alessandra Pontes, especialista em pitch. Juntas, elas compõem o @mulheresconnectadas. Inscrições neste link..

As duas capacitações vão acontecer virtualmente. Dia, horário e link de participação remota serão informados eletronicamente aos inscritos pelas respectivas organizadoras.

Sobre o Centelha

O Programa Centelha II AL disponibiliza R$ 4,8 milhões, englobando R$ 2 milhões do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (concedidos através da Financiadora de Estudos e Projetos – Finep), R$ 666 mil do Governo de Alagoas, através da Fapeal, e R$ 586 mil da Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste (Sudene), totalizando R$ 3,2 milhões em subvenção econômica (recursos não reembolsáveis, ou seja, não se trata de empréstimo, mas de um financiamento com o qual os entes públicos arcam). O restante trata-se de R$ 1,5 milhão em bolsas do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

Isso significa que cada um dos projetos selecionados irá receber até R$ 53 mil para o negócio, até R$ 26 mil em bolsas e nove meses de capacitação empreendedora. Isso vai viabilizar a criação de até 61 novas startups em Alagoas.

Podem participar pessoas domiciliadas em Alagoas, maiores de 18 anos ou maiores de 16, se emancipadas. Quanto a pessoas jurídicas, aceitam-se propostas de empresas que não ultrapassem um faturamento anual bruto de R$ 4,8 milhões. Desta vez, o edital também está aberto a servidores públicos, desde que não haja choque com a legislação regente de sua instituição de vínculo.

O Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas de Alagoas (Sebrae AL) é coexecutor do Programa no estado. O Instituto Euvaldo Lodi Alagoas (IEL AL) e Federação das Indústrias do Estado de Alagoas (Fiea) são os intervenientes locais.

Fonte: alagoas.al.gov.br

Comunicar erro
EQUATORIAL ENERGIA ALAGOAS